quarta-feira, 7 de junho de 2017

Danos morais: Belo processa ex-jogador Denílson e pede R$ 500 mil de indenização

O cantor Belo (foto direita) entrou na Justiça contra Denílson (foto esquerda) por danos morais e por uma retração pública: o ex-jogador de futebol já chamou o cantor de ‘caloteiro’ algumas vezes e fez até um vídeo em que ameaça Belo.

Foi depois de um comentário na foto do pagodeiro Thiaguinho com Belo que o cantor decidiu processar Denílson. No Instagram, em uma foto dos dois, o jogador comentou “só falta aprender a pagar o que deve”. De acordo com Vivian Campos, advogada do cantor, este é um dos motivos que levou Belo a brigar na Justiça contra o apresentador do Jogo Aberto, da Band.

“Pedimos danos morais e uma retratação dele [Denílson], porque ele usou programas ao vivo para chamar Belo de caloteiro”, explica Vivian. O valor requerido pelo cantor é de R$ 500 mil, mas a advogada explica que é o juiz quem define o quanto deve ser pago.

“Enquanto ele estava falando nos programas o Belo não estava se sentindo lesado, mas fazer ameaças e posts do Instagram… O Thiguinho é muito amigo do Belo, então ficou muito chato”, justifica a advogada.

Desde 2005 há um processo entre Denílson e Belo. O jogador de futebol comprou os direitos do conjunto Soweto, do qual o cantor era vocalista, e, por isso, alega que Belo lhe deve dinheiro. “O Belo não reconhece essa dívida”, diz Vivian, pois há outras pessoas envolvidas no grupo.

Assista ao vídeo:

Fonte: emais estadao

Sem comentários: