A todos um ótimo São João 2017

A todos um ótimo São João 2017

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Estudo aponta que homofóbico é homossexual enrustido

Estudo aponta que homofóbico é homossexual enrustido
 No último dia 17, foi comemorado o Dia Internacional contra a Homofobia, Bifobia e Transfobia. Segundo o Grupo Gay da Bahia (GGB), até o início deste mês, 117 pessoas lésbicas, gays, bissexuais e transexuais foram assassinadas no Brasil por conta de discriminação referente à sexualidade e identidade de gênero. Além disso, a cada 25 horas um homossexual é assassinado no Brasil. Para trazer à tona o combate à intolerância contra a população LGBT, diversos portais de notícias divulgaram matérias sobre um estudo realizado há 20 anos na Universidade da Georgia (EUA). Este concluiu que homofóbicos são, na realidade, homossexuais enrustidos.

Segundo a pesquisa, o conflito interior no que diz respeito à própria sexualidade faz com que essas pessoas o externalizem através de raiva e agressividade com os semelhantes. “Particularmente, eu não acho que isso seja verdade. Eu acho que as pessoas nascem de um jeito e depois é uma questão própria, eu não concordo com isso e nem por isso eu sou gay. Mas eu não reagiria com violência para com essas pessoas. Todo mundo está sujeito a ter um gay na família”, disse Gerusa Pessoa, Comerciante na capital.

Já o advogado Paulo Castelo Branco, destaca: “Sinceramente, eu não sei. Agora que tem muitos homossexuais que se sentem oprimidos e acabam agindo com atitudes homofóbicas para esconder ou disfarçar para a sociedade o que eles são, existe sim. Agora se dá para afirmar que a maioria dos homofóbicos é homossexual, isso eu já acho pretensioso afirmar”, disse.

“Pelo menos na minha experiência pessoal de conhecer pessoas extremamente homofóbicas, o que a gente vê é que acaba tendo um mascaramento do que elas verdadeiramente sentem. Meu tio mesmo, ele é bastante homofóbico, e toda a família desconfia de que ele possa ter esse desejo guardado”, falou Letícia Karen, estudante na capital.

Redação 

Sem comentários: